Chapeu

Cursos

1Onda

Copasul recebe ministra Tereza Cristina que ouviu produtores afetados pela estiagem

Data: 14/01/2022 10:38

Autor: Copasul

O Conselho de Administração da Copasul foi ativo na busca pela sensibilização da ministra sobre a situação grave dos produtores da região que culminou na visita ao MS e a Naviraí

A Copasul recebeu nesta quinta-feira dia 13 de janeiro a visita da Ministra da Agricultura, Tereza Cristina, e comitiva do MAPA, apoiada por representantes da Conab, Embrapa, do Banco Central, Banco do Brasil e do Ministério da Economia, além do secretário de Estado de Governo de MS, Eduardo Riedel, do secretário de Agricultura de MS, Jaime Verruck, da prefeita de Naviraí, Rhaiza Matos e outras autoridades municipais.

A Copasul, através do Conselho de Administração, foi ativa na busca pela sensibilização da ministra sobre a situação grave dos produtores da região que culminou na visita ao MS e a Naviraí, uma das regiões mais atingidas. A visita a Naviraí ocorreu para que a ministra visse de perto a situação das lavouras da região, uma das mais castigadas com a estiagem durante a safra de soja, e conversasse com produtores de 12 municípios, representados pelos presidentes dos respectivos sindicatos rurais. 

Após sobrevoar a região e fazer uma visita em solo a uma lavoura afetada pela estiagem, Tereza Cristina seguiu para o auditório da Copasul, o ponto de encontro da ministra com os produtores rurais da região e cooperados, ouviu uma apresentação da Aprosoja/MS, a palavra de representantes de sindicatos rurais de alguns municípios e conversou com os produtores.

O presidente do Conselho de Administração da Copasul, Gervasio Kamitani, agradeceu a presença dos produtores da região e destacou a visita da ministra como uma honra para a cooperativa e para o agro local. "A Tereza [Cristina], além de ministra é uma amiga pessoal, da família, amiga da Copasul e que tem se destacado nesta missão, então obrigado pela presença e parabéns pelo esforço que você tem feito pelo agro brasileiro", disse Gervasio.

Nelson Antonini, vice-presidente do Conselho de Administração da Copasul, falou em nome dos produtores rurais da região. Nelson foi quem mobilizou ações que culminaram em decretos de emergência em municípios, seguido pelos decretos estaduais e, agora, a visita da ministra. "Sou agricultor há 53 anos e em Naviraí há 33 anos. Foram 25 estiagens neste tempo aqui na nossa região, mas nenhuma igual a este ano. Precisamos de uma ajuda e rápido", disse à ministra.

Tereza Cristina ressaltou que serão tomadas medidas imediatas, de médio e longo prazo. Uma delas prevê ampliação do seguro rural. Segundo a ministra, o Mapa já está em contato com 15 seguradoras.

"Nós precisamos muito das cooperativas, com as estações meteorológicas, com todo o apoio que pode dar na busca por inovação e por estar perto dos produtores. Dados nos dão credibilidade e ferramentas mais incisivas para enfrentar este tipo de situação. Tudo que a gente quer é que vocês produtores continuem plantando e precisamos trabalhar para que isso seja possível diante de uma crise como esta. Nós queremos celeridade para que o produtor possa saber o que ele pode fazer ou não diante da safrinha que vem por aí", disse a ministra.

Para os cooperados da Copasul, a ministra deixou um recado: "Quero mandar um abraço para os cooperados da Copasul, vim aqui muito corrido por conta deste problema que está ocorrendo, mas, vamos trabalhar, vamos plantar. Que vocês continuem fazendo esta cooperativa cada vez mais forte e engajada aqui nesta região".

Tereza Cristina ressaltou que serão tomadas medidas imediatas, de médio e longo prazo. Uma delas prevê ampliação do seguro rural. Segundo a ministra, o Mapa já está em contato com 15 seguradoras.

Texto: Luiz Radai
Fotos: Paulo Henrique Oliveira

Legenda: No auditório da Copasul, ministra Tereza Cristina fala aos produtores de 12 municípios da região

logo

© Sistema OCB/MS 2022. Todos os direitos reservados

localizacao

Av. Ceará, 2245 - Vila Célia
Campo Grande/MS